Linda é Londres e The Who que sabia das coisas

Londres é uma cidade curiosa. Com um passe de transporte publico cruzamos ela. Entrávamos no ônibus sem saber onde ele ia dar. E não é que dava no lugar onde queríamos chegar. Tudo se interliga. Tudo se transforma. Em Candem, com a Isa, amiga dos tempos de Lost, tomamos uns chops pelos Pubs e fiquei sem voz.  No Globe Shakespeare , ingressos esgotados; e lá vou eu entrar escondida no meio de um bando de adolescentes escolares pra fotografar o palco que sonhava em conhecer quando fazia teatro. O Tate Modern é legal, mas prefiro o Stedelijk museum. Andamos pelas ruas buscando prédios que se escondiam entre outros. E nos perdemos. Não vi os guardas da rainha, não fui na Abbey Road e não tomei o chá das cinco. Mas descobri, claro que por acaso, depois de descer do busao num bairro que não tenho a minima ideia de qual seja, um bar incrível recém inaugurado. The Rylston, 197 Lillie Road. A dona, uma australiana simpática, perguntou o que a gente estava fazendo ali… era obvio que não fazíamos parte da fauna. Ao sol, tomamos uma breja gelada vendo os londrinos assistindo Wimbledon. Recheado de fotografias dos Stones, da Marylin e do monstro Clint Eastwood. Linda Mccartney na cabeça.

Jimi Hendrix Experience in London, 1967 - by Linda Maccartney.

E The Who que sabia das coisas.

03. July 2011 by renata
Categories: Fotografia, Viagem | Tags: , , | 2 comments

Comments (2)

  1. Ai, deu saudade. Com esses posts vc me mata Rê! Quero Londres!

Leave a Reply

Required fields are marked *