Dobre a próxima à direita.

Uma das pessoas com mais paz de espírito que tive o prazer de conhecer foi o seu Roberto. Acredito que era por conta dessa quietude de alma que ele, generoso do jeito que era, fazia Reiki nas pessoas. Me lembro de um dia o Seu Roberto olhar pra mim com um sorriso e responder ao que eu estava pensando. “Renata, se o teu corpo pede para dobrar à direita então dobre. Se o teu instinto diz pra fazer ou não tal coisa, ouça. O corpo e a mente são sábios.” Foi depois dessa conversa que comecei a perceber o quanto é importante escutar a ti mesmo. Tempos mais tarde, entrava em um ônibus rumo à capital, com duas malas a tira colo. Lembro de um dos meus melhores amigos de infância, o Ronaldo, me levando na rodoviária e dizendo com aquele jeito engraçado que só ele sabe: “tu tá parecendo uma retirante”. Lembrei muito disso hoje, ao pensar em todas as cidades, pessoas, lugares, empregos e vida que tive nestes últimos anos. No dicionário retirante quer dizer – pessoa que foge da seca – de certa forma eu sou uma retirante no mundo. Não fugi da seca, mas, agora, precisava ver o mar.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *